AVALIAÇÃO DE METAIS PESADOS NAS PLANTAS MEDICINAIS DA REGIÃO DE MANIAÇU-BAHIA-BRASIL

Jucelia Batista Marques

Resumo


A utilização de plantas medicinais pela população vem desde os tempos primórdios, e são ingeridas em forma de automedicação para
algum tipo de enfermidade. O objetivo do presente estudo foi analisat e quantificat as concentrações de metais pesados em plantas q,ue são
utilizadas pela população da região de Maniaçu-Caetité (Bahia-Brasil), por plasma indutivamente acoplado- Especttomettia de Emissão OpticaICP-
OES. Essa é uma das ferramentas analíticas mais poderosas e populares para a quantificação de elementos-traço em uma miríade de tipos de
amostras. A acumulação de metais pesados como Cádmio (Cd), Chumbo (Pb) e Arsênio (As), foram detectadas em ttês amostras de plantas
medicinais! Cymbopogon citratus, Melissa officinalis L. e Plectranth us barbatus e esses metais são transferidos pata as plantas através de suas raízes.
Uma relação linear foi estabelecida entre cada composto e ttês metais pesado (o cádmio, o chumbo e o arsênio) foram analisadas pelo seu
comprimento de onda particular e do íon com intensidade mais elevada. Este estudo confirma a presença de contarninaçao de metais pesados nas
plantas medicinais dessa localidade.


Referências


TAVARES, T. M.; CARVALHO, F. M. Avaliação da exposição de

populares humanos a metais pesados no ambiente: exemplo do

recôncavo baiano. Revista química nova, v.15, n.1, p.147-152,

YADA, M. M.; Metais pesados, atributos qwm1cos e

bioquímicos em latossolos e plantas de milho após aplicação de

lodo de esgoto por dezesseis anos consecutivos. 2014. 99f. Tese

(Doutorado em Agronomia)- Universidade Estadual Paulista

':Julio De Mesquita Filho" Faculdade de Ciências Agrárias d

Veterinárias Campus de Jaboticabal,Jaboticabal, SP, 2014.


Apontamentos

  • Não há apontamentos.